Notícias - Ônibus

Saiba mais sobre a linha Volksbus

VW Caminhões e Ônibus participa do Congresso Nacional dos Prefeitos

30 de Setembro de 2019

A Volkswagen Caminhões e Ônibus participa do 2º Congresso Nacional dos Prefeitos, realizado em São Paulo, de segunda-feira (30) até quarta-feira (2), no Memorial de América Latina. O objetivo do evento, segundo sua organização, é reunir gestores da administração pública para o debate sobre inovações que tornam a gestão mais eficiente.

O destaque da fabricante no evento é o Volksbus 15.190 ORE3, sigla para Ônibus Rural Escolar, que leva 50 alunos. O veículo foi desenvolvido sob medida para o Caminho da Escola, programa criado há doze anos para renovar e ampliar a frota de veículos escolares. E os ônibus Volkswagen são os líderes de vendas: responsáveis por mais da metade das entregas ao governo, já somam mais de 20 mil veículos, presentes em 5.226 municípios, quase a totalidade de cidades brasileiras.

A Volkswagen Caminhões e Ônibus comprometeu-se desde o início com o propósito social do Caminho da Escola. Ao longo dos anos, sua engenharia dedicou-se a construir no centro de desenvolvimento em Resende (RJ) veículos para transpor os mais difíceis terrenos, para padronizar o transporte e garantir que os milhões de crianças de todo o Brasil cheguem à escola com mais qualidade.“Nossa participação neste congresso é especial. No mês em que completamos 20 mil unidades entregues ao Caminho da Escola, participamos de um evento cuja proposta é debater formas de melhorar as condições nos municípios, o que vem ao encontro da nossa atuação nesse programa”, comenta Adriana Cecconello, supervisora de Vendas Especiais de Ônibus da VW Caminhões e Ônibus.

Especialização no transporte escolar

A linha completa Volksbus destinada ao Caminho da Escola conta com veículos escolares na configuração rural e urbano, na faixa de 8 a 15 toneladas. Dentre os atributos necessários para vencer os trajetos mais difíceis estão suspensões elevadas e reforçadas, pneus de uso misto, eixo dianteiro com viga forjada, balanço dianteiro mais curto, bloqueio no diferencial traseiro, ângulos de ataque e saída maiores, poltronas estofadas e de fácil limpeza, mecanismos antiesmagamento nas portas e ainda dispositivos de poltronas móveis (DPM) que garantem a acessibilidade para os alunos com mobilidade reduzida.

Operado pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), o Programa Caminho da Escola foi criado em 2007 para renovar e ampliar a frota de veículos escolares, garantir segurança e qualidade ao transporte dos estudantes e contribuir para a redução da evasão escolar, ampliando, por meio do transporte diário, o acesso e a permanência na escola dos estudantes matriculados na educação básica da zona rural das redes estaduais e municipais. O programa também padroniza os veículos de transporte escolar, reduz os preços dos veículos e aumenta a transparência das aquisições.